E teve Masterchef!

Demorei, queimei a largada, mas ontem finalmente começou o meu MasterChef Br.
Luana e Ingrid foram lá pra casa e fiz para iniciar os trabalhos, um prato só:
Bacalhau com natas e crocante de castanha do Brasil. 🙂

Não é uma receita muito trabalhosa e o preparo é rápido, acho um prato ótimo para quando você vai receber visitas e quer um prato único. Ele sozinho já dá o que falar, mas quem quiser pode complementar com um arroz branco ou de brócolis.

Semana que vem fui desafiada: vou saber com antecedência a proteína mas só irei conhecer os demais ingredientes quando elas chegarem lá em casa 2 horas antes. Já estou sofrendo de ansiedade! =D

De mais, segue a receita:

1 kg de batatas cortadas em rodelas
1 kg de bacalhau em lascas ou postas, já dessalgado
2 gemas
200g de castanha do pará picadas grossamente
400g de creme de leite fresco
2 colheres de manteiga
2 colheres de farinha de trigo
500 ml de leite integral gelado
1 maço de contro
1 maço de cebolete
2 cebolas
noz moscada a gosto
pimental do reino a gosto
sal a gosto
azeite

Preparo:

– Separe todos os ingredientes
– plPique as cebolas em brunoise (quadradinhos)
– Pique o coentro e as ceboletes e reserve
– Em uma panela escalde o bacalhau. Reserve a água;
– Na mesma água cozinhe a batata até ela ficar ao dente. Reserve para montagem;
– Derreta a manteiga e acrescente a farinha e até ela absorver toda a gordura. Continue mexendo até ficar bem dourado;
– Retire a panela do fogo e com um fouet, acrescente o leite, misturando muito bem para não empelotar e volte com panela ao fogo até engrossar;
– Depois que engrossar, diminua o fogo e sem parar de mexer acrescente as gemas e o creme de leite. Deixe no fogo até virar um creme bem espesso.
– Tempere com sal, pimenta e noz moscada ao seu gosto. Retire do fogo e reserve.
– Em uma nova panela, regue generosamente com o azeite e doure metade das cebolas.
– Refogue o bacalhau. Ao apagar o fogo, junte o coentro. Reserve em uma travessa;
– Na mesma panela, regue mais azeite e o resto da cebola, deixando dourar. Junte as castanhas picadas, e refogue. Ao apagar o fogo acerte o sal e a pimenta.

Montagem:
Em um tabuleiro untado com azeite, faça uma cama de batatas cozinhas e cobra com metade do creme. Cubra com o bacalhau e as castanhas e cubra com o restante do creme de natas.

Leve ao forno alto por cerca de 20 minutos – até gratinar – e salpique o cebolete na hora de servir.

Vou dizer que ficou muito bom!
Servi com vinho branco frutado.

👩‍🍳Capeletti de massa verde, recheado com Parma com ragú de carne👩‍🍳

Então, talvez vocês ainda não saibam mais eu sou apaixonada pela cozinha, amo cozinhar, e quando entra a temporada do MasterChef Brasil, eu fico morrendo de vontade de cozinhar e de comer comidinhas gostosas, então passei a fazer um prato a cada terça, para jantar acompanhando o programa, e vou passar a receita dessa semana para vocês: Capeletti de massa verdade, recheado com presunto de parma e ragú de carne, que apesar de vários preparos não é complicado de fazer. Numa escala de 1 a 5, diria que é nível 3 de complexidade.

IMG_20180417_223613_937.jpg

 

Comece pelo ragú de carne, pois ele demora mais tempo para cozinhar. Eu usei uma peça de lagarto redondo com cerca de 1kg, bem limpo, sem gorduras aparentes.

Ragu de Carne:

1 lagarto redondo limpo
2 colheres de óleo
1 xícara de vinho tinto seco
1 cebola grande, cortada em 4 partes
2 dentes de alho, descascados
1 lata de tomate pelado
1 tomilho
1 folha de louro
1 cc de sal
pimenta do reino
água quente suficiente para cobrir a peça de carne

  • Panela de pressão
  • tábua de carne
  • dois garfos

Esquente o óleo na panela de pressão e sele todos os lados da carne.
Quando estiver bem douradinha, acrescente os demais ingredientes e deixe cozinhar na pressão por cerca de 45 minutos.
Separe a carne e bata todos os demais ingredientes no liquidificador, e volte com o molho encorpado para a panela e reserve.
Em uma tábua, usando dois garfos, desfie e carne. Ela estará bem macia, desmanchando. Junte a carne desfiada ao molho batido!

Massa:

100g de espinafre cozido
1 ¹/² xícara de farinha de trigo
1 ovo
1 fio de azeite
1 pitada de sal

  • Processador de alimentos
  • Filme plástico

Esprema bem o espinafre para retirar o excesso de água. Bata no processador até formar uma bola da massa, bem homogênea e que não grude nas mãos. Envolva no filme plástico e deixe descansar na geladeira por cerca de meia hora.

Montando o prato:

1 – Abra a massa, corte em quadrado ou com a boca do copo;
2 – Forre com um pedaço de parma;
3 – Coloque uma colher de carne;
4 – Enrole o capeletti : dobre a massa ao meio, formando um triângulo, dobre as duas pontas de baixo da massa, em direção oposta, abraçando o recheio. Eu esqueci de tirar fotos dessa etapa, mas busquei na net uma imagem que simplifica muito o entendimento, ela está logo abaixo das minhas fotinhos. Depois de montados, coloque-os em um prato com um pouco de farinha de trigo no fundo, e cubra com o pano de prato, para a massa não ressecar.

 

receita-capeletti-in-brodo-2

Fotos reprodução / DestaqueSP

Depois disso, basta cozinhar os capelettis em água fervendo com sal, até que eles subam a superfície e monte o seu prato.

Ficou uma delícia!

Um cuidado: parma é salgado, portanto cuidado com o sal na hora do ragu!

 

Bom apetite!
Depois me diga se você tentar fazer o prato e se deu certo!

O tal do frango – Frango Assado no Leite

Mais uma vez eu fiz o frango do Leandro Gonçalves do Cozinha Pequena (link aqui), e mais uma vez não sobrou nem tempo de tirar foto. Nem a carcaça sobrou. Dessa vez, abracei e mergulhei na canela. E me arrependi de não ter colocado das outras vezes. Ficou sensacional. Ótima receita para um almoço com amigos!

 

Ingredientes:

Um frango inteiro
Sal
Pimenta do reino moída (de preferência moída na hora)
+/- 120g de manteiga sem sal;
Um pau  de canela
Tomilho fresco, lavado, com os galhos e tudo;
Duas colheres (sopa) de estragão desidratado;
Raspas de dois limões, de preferência sicilianos
10 dentes de alho, com casca mesmo;
600 ml de leite integral.

Você vai precisar de uma panela em que caiba o frango inteiro e que possa ir ao forno.

Como fazer:

  • Pré aqueça o forno à 200ºC;
  • Lave bem o frango e tempere com sal e pimenta, esfregando bem por dentro e por fora;
  • Derreta a manteiga em fogo alto e frite o frango, virando bem para ficar bem dourado toda a pele. Não tenha medo, e bronzeie com vontade o frango. Ele deve ficar com uma aparência dourado escuro;
  • Depois que estiver bem dourado, retire a panela do fogo, separe o frango e descarte a manteiga. Não é preciso lavar a panela, apenas descartar o excesso;
  • Recoloque o frango na panela, junto com todos os ingredientes, cubra bem com o leite e leve ao forno; (eu costumo ferver o alho com o leite, antes, pois acho que acentua mais o sabor do alho).
  • Ele deve ficar por mais ou menos 1:30 no forno e deve ser regado no leite da vasilha, que fica talhado, durante todo o processo.

Ele fica suculento e saboroso. Temos até público cativo para essa receita. 🙂

Quiche de Queijo com cebolas

É o que temos para hoje! =D

image

Ingredientes:
Massa:
1 gema
1 xícara de farinha de trigo
4 colheres de sopa de manteiga
1 colher de sopa de água bem gelada

Recheio:
4 cebolas médias fatiadas em rodelas,
1 colher de sopa de manteiga
4 ovos
1 caixa de creme de leite
300g de queijo emental ralado grosso

Como fazer:
Misture todos os ingredientes da massa até que  ela fique homogênea. Enrole no filme plástico  e deixe na geladeira por pelo menos 35 minutos.

Frite a cebola na manteiga até ficar bem dourada e reserve. Bata os ovos até obter uma massa esbranquiçada, acrescente o creme de leite, queijo e a cebola.

Forre o pirex com a massa, complete com o creme e leve ao forno.

Salada da casa Olive Garden

Porque eu fui egoísta quando me passaram essa receita e a perdi, agora que achei, vou dividir com vocês, porque egoísmo é muito feio 😀

mg_3150

Para salada:

Alface romana
Cebola roxa
Azeitonas pretas
Tomate romano
Croutons
Pepperoncini (pimentão amarelo bem pequeno).

Para o molho:
1 xícara de maionese
2/3 xícara de vinagre branco
5 colheres de sopa de açúcar
2 colheres de sopa de suco de limão
2 colheres de chá de azeite
1 colher de chá de salsa desidratada
1 colher de chá de “Tempero Italiano”*¹
1 colher de chá garlic salt*²
2/3 de xícara de queijo romano *³
1 pitada de Páprica doce

Lave os ingredientes da salada, deixe de molho na água com vinagre ou produto para limpeza. Lave as folhas e seque. Corte a cebora e os tomates em fatias finas, colocando os ingredientes em uma tigela funda.

Quanto ao molho, basta colocar todos os ingredientes no liquidificador, e deixar liquidificar até ter um molho homogêneo. Coloque por cima da salada, misturando entre as folhas.
Coloque queijo parmesão ralado, ao servir.

E bom apetite 😉

*¹ Tempero Italiano = Eu comprei pronto no Supermercado Zona Sul, não é barato mas por serem desidratadas, irão durar muito. Se não conseguir comprar, basta misturar na mesma proporção as seguintes ervas desidratadas: manjericão, orégano, alecrim, manjerona, coentro, tomilho e segurelha. Eu fiz as contas e comprando em separado ficava bem mais caro.

*² Garlic Salt é um sal já com alho. Tentei da primeira vez com o alho fresco, ficou bem gostoso, mas muito mais picante que o original. Quem desejar fazer em casa basta misturar 3 partes de sal com 1 parte de alho desidratado e moído. Precisa guardar em recipiente sem entrada de ar.

*³ Queijo romano é um queijo saboroso, curtido por alguns anos, mas não tão duro quanto o parmesão. Eu usei parmesão mais fresco, com a textura mais macia para sobreviver ao liquidificador.

E é isso, bom apetite! 🙂

Receita de Bolo de Pão-de-Ló, para confeitar:

Vamos lá, aqui vai uma receitinha básica de pão de ló de festa, para rechear, que fica uma delícia:

Bolo de Pão de Ló para confeitar

Ingredientes:

6 ovos

3 xícaras de farinha de trigo

3 xícaras de açúcar

200 ml de leite integral

1 tablete de margarina

1 colher de sopa de fermento

Como fazer:

Bata as claras em neve e depois misture as gemas, uma a uma, sem parar de bater.

Acrescente o açúcar aos poucos e depois a farinha de trigo, misturada com o fermento. Reserve.

Ferva o leite e derreta a margarina no leite.

Misture aos poucos na massa e asse em um tabuleiro untado e polvilhado em forno médio.

Depois da massa esfriar,  corte o bolo para rechear e umideça com seu sabor predileto, pode ser um chá de frutas ou baunilha mesmo. Para rechear ecomendo doce-de-leite, nutella ou baba-de-moça. Depois de montar é só confeitar. Se você não tem muita prática com confeitaria, uma boa pedida é sempre marshmallow com confetti, não dá trabalho e fica bem bonitinho. A foto abaixo é do bolo da festa do Thiago na escola. Estava uma delícia 🙂

Bolo com marshmallow

Bom apetite! 🙂

Voltando ao maternal, brincando com massinha ou Arts 101 =P

Ai, estou tão animada. Hoje fiz o primeiro dia do curso de Modelagem em Pasta Americana.
Sabe o que é?
È quando você vai nas festas e tem, em cima do bolo, aquelas coisas fofas, feitas com a cobertura do bolo.
Amei!
Primeiro porque parece massinha.. hehehe… e qual “criança” não gosta de brincar de massinha?
Em segundo lugar, porque é realmente divertido e a aula foi ótima, com dicas úteis e no final do dia, o meu modelo nem ficou muito feio, ficou apenas com cara de amador, uma coisa super justa, já que foi a primeira vez que eu mexi com isso. 😛

Aprendemos a manipular a massa, a fazer texturas diferentes para chão, água, pedra. E fizemos 9 modelos:
A base, o lago, as rochas, o tronco de árvore, um passarinho, uma joaninha, um pato, mato e flores.
12082009313

Aqui foi a primeira tentativa do passarinho no tronco de árvore. Eu achei que ficou maneirinho 😛 Claro que pode melhorar e é por isso que eu vou treinar. 🙂

12082009314

Aqui vocês conseguem ver o chão, o lago, pedras e vegetação. A vegetação precisa de muito trabalho, mas eu não consegui achar a tesoura certa. Ainda vou penar com isso.

Aqui você consegue visualizar o pato e a joaninha …

12082009322

Como eu falei, ainda bem que eu gosto muito disso, porque espero poder fazer muitos moldes de Pasta ainda. 🙂